O que fazer na Capadócia Capadócia

A Capadócia é uma região histórica de relevo peculiar e com atrações turísticas muito interessantes. Por isso, existem muitos locais que valem a pena visitar por lá!

Leia também: Guia completo da Capadócia: quando ir, o que fazer, onde ficar

Veja agora as principais atrações turísticas da Capadócia:

Passeio de Balão

Voo de balão – Foto: Jose Gonzalvo Vivas (CC BY-NC-ND 2.0)

A atração turística mais famosa, não apenas da Capadócia, mas de toda a Turquia, é o passeio de balão. Se quiser fazer esse passeio será necessário acordar bem cedo, já que os voos ocorrem ao raiar do dia e duram cerca de uma hora sobrevoando as peculiares formações rochosas da região. Como são dezenas de balões, o cenário fica belamente colorido.

Apesar da Turquia ser um destino barato, os passeios de balão são bem caros! Para saber os preços clique aqui. Além disso, o mau tempo e os ventos fortes podem fazer o passeio ser cancelado e remarcado para o dia seguinte. Então, se você não reservar com antecedência pode não conseguir um lugar. Para saber mais leia: Voo de balão na Capadócia: preços, dicas e advertências.

Museu a Céu Aberto de Goreme

Igreja dentro da rocha no Museu a Céu Aberto de Goreme – Foto: wikipédia

Essa é a atração mais cheia da Capadócia! O Göreme Open Air Museum ou Museu a Céu Aberto de Goreme é um daqueles locais com formações rochosas inusitadas, chamadas de “chaminés das fadas”. Entretanto, além do relevo ser interessante, o local foi um monastério bizantino onde você encontra várias igrejas e cômodos esculpidos nas rochas que datam do século X ao XIII.

O Museu a Céu Aberto de Goreme tornou-se Patrimônio da Humanidade pela UNESCO em 1984 e é uma das paradas obrigatórias de quem visita a Capadócia.

Cidades subterrâneas

Cidade subterrânea Derinkuyu – Foto: wikipédia

Apesar do Museu a Céu Aberto de Goreme ser interessante, as construções mais inusitadas são as cidades subterrâneas e existem várias delas na Capadócia. Esses locais intrigantes que possuem quartos, cozinhas, banheiros e corredores em até quatro andares abaixo do nível exterior são muito interessantes. Ainda mais porque eram esculpidos dentro da rocha e abrigavam centenas ou milhares de pessoas.

Apesar de haver mais dúvida do que certeza sobre esses locais, acredita-se que eram residências temporárias usadas para os habitantes locais e seus animais se esconderem de invasores. As duas principais cidades subterrâneas são Derinkuyu e Kaymakli.

Hotéis de caverna

Foto: divulgação Anatolian Houses Cave Hotel

Uma atração também bem popular entre os turistas é se hospedar em um cave hotel (hotel de caverna). Apesar dessa não ser uma atração turística, pela característica inusitada e diferente dessas habitações, acaba sendo uma atividade que chama a atenção de muitas pessoas.

Para se sentir como os antigos habitantes da Capadócia, muitos hotéis construíram quartos dentro da rocha. Apesar de terem estilos rústicos, existem hotéis de todos os níveis que possuem quartos de caverna. Porém, não é todo mundo que gosta de se hospedar nessas habitações. Para saber mais leia: Hotéis de caverna da Capadócia, vale a pena se hospedar?

Vale do Amor

Vale do Amor

Uma das formações rochosas mais inusitadas da Capadócia fica no Love Valley ou Vale do Amor, em português. Se você tem um pouco de maldade, já deve ter percebido com o que se parecem as rochas e entendido porque o local se chama vale do amor.

As formações rochosas ficam dentro de um vale e apesar da maioria dos turistas verem o local do alto, é possível entrar no vale. Atravessar o vale é uma aventura! Eu fui sem saber o que encontraria por lá e passei por uma aventura e tanto. Eu conto esse relato no texto: Vale do Amor, aventura e belezas na Capadócia.

Pasabag – Vale dos Monges

Pasabag – Vale dos Monges – Foto: momo (CC BY 2.0)

Pasabag, conhecido também como Monks Valley (Vale dos Monges), é o melhor local para você ver as chaminés das fadas. Essa é a formação rochosa mais típica da Capadócia e no Vale dos Monges você encontrará várias delas. Segundo lendas locais, o local era habitado por fadas que viviam no subsolo. Já no início da era cristã, por volta dos séculos IV e V, monges viveram na região. Por isso, existem igrejas dentro de algumas rochas.

Devrent Valley

Devrent Valley – Foto: Vince Smith

Diferente dos outros vales, no Devrent Valley não existem igrejas em cavernas. O local nunca foi habitado. O que torna esse lugar famoso é a paisagem que dizem parecer com a imagem lunar. No local existem chaminés de fadas e várias outras rochas em formato de animais. Se deixar a imaginação fluir, você encontrará no local rochas em formato de cobra, golfinho, camelos, entre outros animais. Por isso, o local também é chamado de Vale da Imaginação.

Vale Ihlara

Vale Ihlara

O Vale Ihlara é um canyon com profundidade de 100 metros e 14 km de extensão. Ao longo do canyon existem várias casas e igrejas esculpidas na rocha, apesar delas não serem muito interessantes. Com um pequeno rio passando dentro do canyon, o local era ideal para moradia e acredita-se que milhares de pessoas viviam no local.

Por ser um canyon profundo o local é bonito, mas não é das atrações mais interessantes da Capadócia. Entretanto, se tiver tempo vale uma visita.

Noite Turca

Noite Turca – Foto: Get Your Guide

Para variar um pouco de estilo de atração, você pode participar de uma noite ao estilo turco, com músicas, danças e comidas em um ambiente de caverna. Na noite turca existem bailarinos que apresentam danças típicas turcas, ao som de músicas regionais e ainda é servido um jantar com bebidas. Para saber mais informações e preços clique aqui.

LEIA TAMBÉM:

-Como chegar à Capadócia: avião, ônibus e carro

-Hotéis de caverna em Urgup, veja onde ficar

-Hotéis de caverna em Goreme, veja onde ficar


Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.