InícioEquadorQuitoOnde ficar em Quito: Centro Histórico ou Mariscal? As únicas opções que...

Onde ficar em Quito: Centro Histórico ou Mariscal? As únicas opções que valem a pena

Se você pretende viajar para a capital do Equador e está procurando onde ficar em Quito, não há mistério, só há duas opções interessantes: o Centro Histórico ou o bairro La Mariscal.

Há outros bairros em Quito que valem a pena?

Não, apesar da cidade ser grande, possui 2,2 milhões de habitantes e possuir outros bairros interessantes, a grande maioria dos hotéis se concentram nesses dois bairros. Além de serem os bairros mais tracionais da cidade, também é onde a maioria dos turistas estrangeiros se hospedam. Por isso, também são os bairros onde você encontrará mais opções de restaurantes.

Por tudo isso, quando alguém pergunta onde ficar em Quito, já respondo para procurar em um desses dois bairros.

Onde ficar em Quito

Decidir onde ficar em Quito não é tarefa difícil, já que há apenas dois bairros que os turistas se hospedam. Entretanto, o ponto central é que os dois bairros são muito diferentes!

Onde ficar em Quito: Centro Histórico

hoteis em quito
Plaza Grande no centro histórico de Quito

O Centro Histórico é o local que está mais próximo de muitos pontos turísticos, já que a principal atração da cidade é justamente o Centro Histórico, com suas interessantes igrejas e praças. Para conhecer as atrações turísticas do centro veja o texto sobre o que fazer em Quito.

O centro é o local mais barato para se hospedar, possui muitas opções de restaurantes, lojas e fácil acesso ao transporte público para chegar na Metade do Mundo e em outras atrações mais distantes.

De dia movimentado de noite deserto

Durante o dia as ruas da região ficam cheias, já que o local não é apenas o Centro Histórico, mas também o centro comercial de Quito. O maior problema do centro é a noite, pois fica vazio e até perigoso de caminhar.

Por isso, o simples fato de sair para jantar já é um problema, sendo aconselhável sair de táxi ou Uber depois das 20 horas. Eu não segui essa recomendação, não aconteceu nenhum problema, mas dava medo de andar nas ruas vazias.

O pior dia é domingo, quase nenhum restaurante abre de noite e as ruas ficam completamente desertas. Se você for ficar algum domingo na cidade, não lhe recomendo ficar no centro.

hoteis do centro histórico de quito
Praça Grande no centro histórico de Quito

Por outro lado, se você quer economizar, o centro é a melhor opção, já que além da hospedagem ser mais barata, há muitas opções de restaurantes baratos, o que é mais difícil de encontrar em La Mariscal.

Apesar do centro ter um preço médio mais baixo que La Maristal, os melhores hotéis da cidade se encontram lá, como o Casa Gangotena  e o Plaza Grande Hotel. Por isso, o centro é também o melhor local para quem procura luxo.

Para quem busca um três estrelas as indicações são: Hotel Boutique Portal de CantuñaHotel San Francisco e Rincón Familiar Hostal Boutique, esse último que eu fiquei.

Para quem quer um econômico as dicas são: Casa Carpedm e Hotel Interamericano.

Encontre todos os hotéis no Centro Histórico clicando aqui.

Onde ficar em Quito: La Mariscal

onde ficar mariscal
Praça Foch no bairro La Mariscal é onde concentra a vida noturna de Quito

O La Mariscal é o bairro da moda em Quito e é lá que se concentra a vida noturna da cidade. Por isso, em La Mariscal você encontrará muitos bares, boates e restaurantes, principalmente ao redor da Praça Foch. Para quem pretende aproveitar a vida noturna de Quito, não há dúvida onde ficar em Quito, é no bairro La Mariscal.

O bairro possui um ambiente mais agradável que o centro e é mais seguro. Por outro lado, La Mariscal não está tão próximo das atrações turísticas, já que localiza-se a 4 km do Centro Histórico. Entretanto, nada que uma pequena corrida de Uber ou táxi não resolva.

Um outro fator bem relevante é que esse é o bairro preferido dos turistas estrangeiros, especialmente os mais jovens.

hoteis em quito
Bairro La Mariscal possui avenidas, mas também ruas tranquilas – Foto: Pete (CC BY-SA 2.0)

Em La Mariscal você encontrará hotéis mais novos, de alto padrão e preços razoáveis, como Mercure Hotel AlamedaNu House Boutique Hotel e Hotel Reina Isabel.

Para quem procura um hotel tipo três estrelas as indicações são Hotel Carolina Montecarlo, Hotel Antinea e Casa Joaquin Boutique Hotel.

Como o La Mariscal atrai muitos jovens, você também encontrará várias opções de hostels, entre os principais estão El Patio Hostel e Selina. Entre as opções econômicas também podemos destacar The Yellow House e Posada Tambuca.

Para encontrar todos os hotéis em La Mariscal clique aqui.

Seguro Viagem para aproveitar a vida noturna sem medo

Se você pretende aproveitar a vida noturna de Quito, curtir os bares e beber à vontade, não esqueça de contratar um seguro viagem.

Vale a pena lembrar que o seguro viagem não é obrigatório no Equador, porém é interessante viajar com o seguro. Gastos médicos são caros no Equador, como a economia é dolarizada pagar pagar por uma simples consulta já sai mais caro que o seguro viagem.

Nós indicamos a Seguros Promo que é uma plataforma confiável que vende seguros apenas das maiores seguradoras do mercado. Faça agora uma cotação, escolhe entre as várias opções e ganhe 5% de desconto com o cupom ABRACEOMUNDO5 mais 5% de desconto pagando no boleto.

Onde ficar em Quito: próximo a natureza

Para quem gosta de ficar em um ambiente mais tranquilo e em contato com a natureza, há opção de se hospedar em uma fazenda, em região arborizada e relativamente próximo do centro histórico.

onde ficar em quito
Hacienda Rumiloma é uma opção tranquila em meio a natureza a apenas 6 km do centro histórico – Foto: divulgação

A Hacienda Rumiloma fica a 6 km do centro histórico e é um hotel bem confortável com opções de quartos com varanda e vista da montanha.

Para ver preços, mais fotos e fazer reservas na Hacienda Rumiloma clique aqui.

Qual bairro de Quito você prefere?

Depois de ler nosso texto sobre onde ficar em Quito, nos diga: qual bairro é mais a sua cara: centro histórico ou La Mariscal? Deixe sua resposta nos comentários.

Foto de capa: Hola America1 (CC BY-NC-ND 2.0) 
Felipe Zighttps://www.abraceomundo.com/
Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui