Como chegar em Cabo de la Vela e Punta Gallinas na Colômbia Colômbia / Punta Gallinas

Destinos pouco conhecidos, mas que estão ganhando o gosto dos turistas, Cabo de la Vela e Punta Gallinas não são dos locais mais fáceis de se chegar na Colômbia. Entretanto, isso não é motivo para deixar de conhecer os locais, já que essa é um tipo de viagem cultural interessante e na qual as dificuldades fazem parte da experiência.

Leia também: Cabo de la Vela e Punta Gallinas, o litoral desértico da Colômbia

Pelo jeito que falei, até parece que é super difícil de chegar até lá, mas não é bem assim. A maior dificuldade é em relação às estradas que não são boas. O departamento de Guajira, onde se encontram esses destinos, é uma região pobre e até meio esquecida na Colômbia. Existem algumas boas estradas asfaltadas, porém a maioria é de terra batida. Quando fui ao Cabo de la Vela a estrada estava sendo asfaltada, mas grande parte continuava sendo de terra. Entretanto, essa não é a pior estrada, já que vi alguns carros comuns atravessando-a. A pior estrada é a que vai de Cabo de la Vela até Punta Gallinas. Nessa estrada só passam carros 4×4, o que deixa a viagem um pouco mais cara.

Existem duas formas de visitar esses destinos: de tour ou por conta própria.

tour punta gallinas

Jeep velho que fez nosso tour em Punta Gallinas

Tour

O tour é o jeito mais fácil e também mais caro! Os tours costumam sair de Santa Marta, que está a 330 km de Cabo de la Vela. Como é distante, não tem como fazer essa viagem em um dia. Existem dois tipos de tours: o de 2 dias/1 noite e o de 3 dias/2 noites. O de 2 dias/1 noite vai apenas em Cabo de la Vela e custa 250 mil COP (Pesos Colombianos), já o de 3 dias/2 noites vai a Cabo de la Vela e a Punta Gallinas e custa 650 mil COP, preços de 2016. Em ambos os casos está incluído o transporte, a hospedagem (dorme-se em rede), os passeios e a alimentação (café da manhã, almoço e jantar). Caso queira dormir em cama é necessário pagar 25 mil COP a mais por noite.

O passeio de 2 dias /1 noite, apesar de ser mais barato, não vale a pena, já que o mais legal é justamente Punta Gallinas.

Leia também: Como viajar dentro da Colômbia: ônibus, avião ou carro?

praia dunas de taroa

Dunas de Taroá

atração incrível colombia

Punta Gallinas

Viagem por conta própria

Esse é a maneira mais barata de ir, sai pela metade do preço. Pode até parecer complicado, mas não é. Muitas pessoas decidem chegar a Cabo de la Vela por conta própria, eu sou uma delas e achei o trajeto super tranquilo. A parte por conta própria é apenas até Cabo de la Vela, porque de lá até Punta Gallinas não há essa opção e é preciso pegar um tour em um veículo 4×4.

1) Primeiramente, você precisa chegar em Riohacha, a capital e a maior cidade do departamento de Guajira. A cidade, de 150 mil habitantes, possui um aeroporto, mas que não tem muitos voos, por isso, a maioria das pessoas chegam por terra. A maior parte das pessoas saem de Santa Marta: são 172 km, três horas e meia de viagem e o ônibus custa 22 mil COP (2016). De Cartagena é um pouco mais longe, mas também é possível chegar de ônibus: são 400 km e oito horas de viagem.

2) De Riohacha é preciso pegar um táxi-lotação até Uribia. Esse trajeto dura 1h30 e custa 18 mil COP.

3) De Uribia pega-se um transporte 4×4 até Cabo de la Vela. O trajeto demora 1 hora e custa 15 mil COP.

4) Chegando em Cabo de la Vela, você escolherá a sua hospedagem. A maior parte do ano o local fica completamente vazio. Quando fui parecia uma cidade meio fantasma. Existem mais de dez pousadinhas, porém a maioria estava fechada. Não havia mais do que 30 turistas na cidade. Entretanto, em algumas épocas como férias de janeiro e julho ou Semana Santa fica cheio.

5) Para fazer o passeio em Cabo de la Vela você precisará pagar um carro ou um moto-táxi.

6) Para chegar em Punta Gallinas é preciso pegar um tour. O comum é o de 2 dias/1 noite, custa 150 mil COP e está incluído apenas o transporte (ida e volta) e para os locais turísticos. Comida e hospedagem são pagos a parte. A hospedagem custa 15 mil COP (rede), 20 mil COP (chichorro: uma rede mais larga) e 35 mil COP uma cama em um quarto privado. Os preços são por pessoa. Já a alimentação custava 15 mil o prato.

O tour sai às 5:00 horas de Cabo de la Vela. Todos os preços citados acima são de 2016.

deserto da colombia

4×4 em atravessando as estradas em Punta Gallinas

barco como chegar punta gallinas

Barco para chegar a hospedagem em Punta Gallinas

Dicas

– É melhor fazer o trajeto Uribia – Cabo de la Vela de manhã, pois depois do meio-dia pode não ter transporte.

– Em Punta Gallinas a hospedagem fica isolada, por isso é bom levar lanchinhos, pois não há nenhum lugar para comprar nada a quilômetros de distância.

– É bom levar água também!

– Nas hospedagens em que as pessoas dormem em rede, normalmente há lockers (armários). Em Punta Gallinas nem precisa, pois é um lugar isolado e tranquilo. Se alguém mexer nas suas coisas só pode ser outros turistas.

OUTRAS MATÉRIAS DA COLÔMBIA:

-San Andrés a incrível ilha do caribe colombiano

-Os 8 principais pontos turísticos de Bogotá

-Como se deslocar em Bogotá: BRT, táxi, Uber e bike

-Conheça a noite de Medellín, com bares animados e mulheres bonitas

-Cartagena, a cidade superestimada da Colômbia


Felipe Zig

Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.