Início Rio Grande do Sul Gramado O que comer e onde comer em Gramado

O que comer e onde comer em Gramado

Viajar a Gramado significa comer muito bem! A cidade da serra gaúcha se tornou um destino gastronômico, contando com ótimas opções de restaurantes para diferentes tipos de gostos. Por isso, esquecer um pouco o regime e se deleitar com um mundo de sabores é a dica para aproveitar bem a viagem a Gramado.

Apesar de Gramado possuir vários tipos de restaurantes, existem algumas comidas que se tornaram tradicionais na cidade e valem a pena ser degustadas pelos turistas que gostam de saborear uma boa gastronomia. Entretanto, vale fazer uma ressalva, pois Gramado é um destino caro e as principais refeições não são baratas.

Confira agora as comidas que se tornaram símbolos de Gramado.

Leia também: Onde ficar em Gramado: as dicas de locais e hotéis

Café Colonial

O Café Colonial é aquele café com uma grande variedade de itens. São pães, queijos, geleias, bolos, tortas, doces e salgados. Entre as bebidas temos: café, chá, achocolatado, sucos e até mesmo vinho. É tanta comida que é praticamente uma refeição. Até por isso, os estabelecimentos não funcionam apenas como café da manhã, mas como uma refeição feita em qualquer horário do dia. Alguns deles funcionam até às 23:00 horas

Café colonial Bela Vista – Foto: divulgação

Os cafés coloniais de Gramado são famosos, mas já estiveram muito mais na moda. Até uma década atrás, eles eram o principal atrativo gastronômico da cidade. Existiam dezenas de cafés coloniais e a maioria dos turistas alimentavam-se nesses requintados cafés. Porém, o preço, o desperdício e a busca por comidas mais saudáveis fez os cafés coloniais entrarem em declínio. Hoje em dia, sobraram apenas cerca de seis cafés coloniais na cidade.

O maior problema dos cafés coloniais é que eles não funcionam como buffet e todas essas comidas são servidas na mesa. Há poucas unidades de cada item e se você quiser pode pedir para repetir. Entretanto, o que eles colocaram na mesa e não foi consumido é jogado fora, o que gera um desperdício muito grande. Para manter esse padrão, os cafés coloniais cobram caro, o que afugenta muitos turistas. Não cheguei a comer nos cafés coloniais, pois pelo preço preferi comer em outros tipos de restaurantes.

Onde comer

O Café Colonial mais famoso de Gramado é o Bela Vista. Esse é, inclusive, o primeiro café colonial do Brasil, fundado em 1973. Por tudo isso, é também um pouco mais caro que os demais. Outro café que também tem boa reputação é o Café Colonial Torre, fundado em 1976.

Café Colonial Torre – Foto: divulgação

Fondue

Atualmente, o principal atrativo gastronômico de Gramado é a fondue. Existem dezenas de restaurantes que fazem fondue na cidade, em toda esquina tem um.

Fondue de queijo e chocolate – Foto: divulgação Colosseo

Essa famosa comida de origem suíça combina mais com o clima frio. Porém, é bastante consumido o ano inteiro em Gramado. Se você me perguntar qual comida não poderia deixar de ser saboreada em Gramado, eu diria a fondue, especialmente se for uma viagem de casal.

Basicamente, as fondues são servidas da mesma maneira em quase todos os restaurantes da cidade, no que é chamado de “sequência de fondue”. Isso quer dizer que são servidos três tipos de fondue em sequência.

Primeiro é servida a fondue de queijo, acompanhada de pedaços de pão e legumes como batatas, brócolis e cenoura. Depois vem a fondue de carne, que são alguns tipos de carnes que você frita no óleo ou na pedra, acompanhados de uma variedade de molhos. Por último temos a fondue de chocolate, acompanhada de frutas como morango, banana, maçã e uva. Vale ressaltar que a variedade de acompanhamentos das fondues varia de acordo com o restaurante. Os mais baratos costumam ter menos opções. Além disso, os restaurantes que cobram menores preços diluem o queijo e o chocolate, por isso suas fondues não são tão boas. Então, você precisa decidir se você quer pagar barato ou comer uma fondue de qualidade.

Leia também: O que fazer em Gramado: atrações e passeios mais interessantes

Onde comer

Um ótimo restaurante que serve fondue que eu experimentei e gostei bastante é o Restaurante Colosseo. O restaurante, fundado em 1997, tem a fondue como seu prato principal. Segundo o proprietário, 80% dos clientes que vão ao restaurante pedem a sequência de fondue.

Nosso fondue do Restaurante Colosseo

No restaurante a fondue de queijo é servida com três tipos de pães (francês, italiano e integral), cenoura, batata cozida, brócolis e goiabada. Já a fondue de carne é servida com filé mignon, picanha, contra-filé, frango e cordeiro, acompanhados de 14 molhos. Porém, para mim o principal é a fondue de chocolate! Feita com 70% de chocolate ao leite e 30% de chocolate meio amargo é deliciosa! Acompanham a fondue de chocolate oito tipos de frutas, waffles e marshmallow. Vale ressaltar que se você quiser repetir algum item, é só pedir!

Restaurante Colosseo

Culinária Alemã

Gramado também possui vários restaurantes de culinária estrangeira. Existem restaurantes italianos, argentinos, suíços. Porém, o destaque mesmo é para a culinária alemã. A região, que recebeu imigrantes alemães, possui alguns restaurantes interessantes para se deliciar.

Salsicha, spaetzle de queijo e outros pratos alemãs do Restaurante Höppner

Quando falamos em culinária alemã a maioria das pessoas pensam apenas em batatas. Entretanto, a culinária alemã é muito mais do que isso. Na maior parte do Brasil, restaurantes alemães não são tão comuns de se encontrar, por isso pode ser uma boa ideia aproveitar a viagem a Gramado para experimentar uma culinária diferente.

Onde comer

Existem alguns restaurantes alemães em Gramado, mas eu indico o Restaurante Höppner. No que o Höppner se destaca dos demais restaurantes é o que eles chamam de “experiência alemã”. Eles pegaram os pratos que são mais pedidos do cardápio e servem como se fosse um menu. Por isso, você pode comer um pouquinho de vários tipos de pratos típicos da Alemanha.

Experiência Alemã do Restaurante Höppner

E mesmo eu que nem sou muito fã de comida alemã gostei bastante! Para mim, o destaque foi o spaetzle de queijo (foto mais acima no post), que é uma massa ao molho de queijo. Eu já havia comido no Bar do Alemão em Curitiba e não havia gostado, mas o do Höppner é delicioso! Com relação à carne, o pato ao molho de frutas vermelhas é bem gostoso, pois o molho dá um toque especial ao prato.

Para quem gosta de beber, um vinho branco harmoniza muito bem com a comida alemã. Mas, o restaurante também possui várias cervejas, das regionais às importadas. Além disso, precisamos dizer que o atendimento no restaurante é impecável!

O único problema do Höppner é se você estiver em número ímpar de pessoas, porque a experiência alemã é servida apenas para duas pessoas. Então, se você for sozinho, terá que pagar o valor de duas pessoas. Neste caso é melhor escolher um prato do cardápio.

Chocolate

Gramado é uma cidade muito famosa pela produção de chocolates. Segundo uma pesquisa feita pelo Sebrae, há alguns anos, quando se fala em gastronomia em Gramado, a primeira comida que os turistas pensam é no chocolate e a segunda na fondue.

Existem algumas fábricas de chocolate caseiro em Gramado e Canela e várias lojas nas principais ruas. Nas lojas você encontrará uma grande variedade de chocolates, desde o tradicional chocolate ao leite, até várias misturas de chocolate com: canela, pimenta, sal, entre várias outras. Existem também muitos chocolates em formatos diferentes e em bonitas embalagens para presente.

Chocolate Lugano – Foto: divulgação

Apesar das bonitas embalagens eu não achei o chocolate de Gramado tão especial. Achei o chocolate bom, porém bem comum. Nada que justifique os preços altos. Os chocolates europeus são bem melhores do que os de Gramado.

O que gostei bastante foi do chocolate quente. Esse sim é delicioso! Todas as lojas de chocolate vendem chocolate quente e ele se torna ainda mais agradável nos dias de frio. Experimentei o chocolate quente puro e com bebida alcoólica, no caso Amarula. O puro é mais gostoso, porque é mais consistente; quando coloca a bebida alcoólica ele fica um pouco mais ralo e menos concentrado.

Leia também: O que fazer em Gramado: atrações e passeios mais interessantes

Onde comer

Para quem gosta de chocolate, existem alguns lugares especiais para visitar. A Lugano possui bem no centro de Gramado um museu chamado de Mundo de Chocolate. No local existem várias esculturas feitas de chocolate, algumas pequenas e outras maiores que foram utilizados mais de uma tonelada de chocolate. O museu não tem nada de muito especial, porém há degustação a vontade de chocolate ao final da visita.

Mundo do Chocolate, a esfinge levou 280 kg e a pirâmide 2 mil quilos de chocolate para serem feitas

Degustação de chocolate do Mundo do Chocolate

A Florybal possui uma loja temática que tem dentro uma mini-fábrica. Cheia de personagens infantis, a Florybal é a marca que mais agrada as crianças. A Florybal também possui um local chamado de Casa de Chocolate; inspirado na história de João e Maria, o local é bem decorado, possui uma mini-fábrica e até uma pista de patinação no chocolate.

Patinação no chocolate: Foto: divulgação Florybal

A Caracol também é uma boa marca de chocolate, porém não possui nenhuma loja temática ou especial. Existem várias lojas em Gramado, como na Rua Coberta e na Avenida Borges de Medeiros, a principal da cidade.

LEIA TAMBÉM:

-Como ir e o que fazer em Canela

-Lua de Mel em Gramado, veja os hotéis mais românticos

-Vale a pena viajar a Gramado durante o Natal Luz?

Foto de capa: fondue do Restaurante Colosseo
Minhas refeições nos restaurantes citados na matéria foram cortesias dos restaurantes.
Felipe Zig
Felipe Zighttps://www.abraceomundo.com/
Felipe Zig é jornalista, fotógrafo e apaixonado por viajar. Depois de conhecer mais de 20 países, decidiu criar o blog “Abrace o Mundo” para dar dicas de viagens e incentivar outras pessoas a viajar.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

hotel ho chi minh vietna

Onde ficar em Ho Chi Minh, dicas de bairros e hotéis

A cidade de Ho Chi Minh, também conhecida como Saigon, é a maior do Vietnã. Este texto com dicas das regiões e sugestões de...
easysim4u é bom

Chip de internet EasySim4U é bom?

O que fazer em São João del Rei