Início Minas Gerais Poços de Caldas O que fazer em Poços de Caldas: os passeios mais incríveis

O que fazer em Poços de Caldas: os passeios mais incríveis

Decidir o que fazer em Poços de Caldas pode ser uma tarefa complicada, já que existem diversos pontos turísticos e atividades para escolher. Uma das mais charmosas cidades do Brasil, Poços de Caldas une modernidade e tradição com o charme e a tranquilidade do interior do sul de Minas Gerais.

Situada na divisa com São Paulo, a cidade construída aos pés da Serra de São Domingos tem, hoje, 166 mil habitantes. Com várias praças e parques, Poços de Caldas MG é extremamente arborizada e tranquila para realizar passeios românticos ou se divertir com amigos e família.

Neste texto, conheça 12 locais para fazer passeios turísticos em Poços de Caldas, a gastronomia local, como chegar, se deslocar e hospedar na cidade.

Curiosidades sobre Poços de Caldas MG

Durante o inverno, as temperaturas caem vigorosamente. Por isso, quem deseja viajar neste período do ano, deve se preparar para o frio e para curtir o que a cidade pode oferecer de melhor. No verão, as temperaturas são amenas e agradáveis, que permitem passeios tranquilos sem aquela sensação de mormaço típica da estação.

Um dos locais que mais se destaca por sua exuberância é a Serra de São Domingo. A vegetação de Mata Atlântica preservada é um espetáculo à parte por sua beleza e variadas opções de descanso e turismo de aventura. O acesso ao topo da montanha, onde está localizado o Cristo Redentor, pode ser feito de carro, a pé, de bicicleta ou por teleférico, cuja estação está localizada em frente ao Palace Cassino.

Fontes de água

Praça poços de caldas
Bebedouro na Praça Dom Pedro II – Foto: Wikipédia (CC BY 3.0)

E se você não sabe, o Palace Cassino é apenas um dos vários locais de jogos que existiam em Poços de Caldas MG antes da proibição. Por isso, a cidade foi, por muitas décadas, referência de charme e glamour.

Ainda hoje, conserva muito luxo e conforto em hotéis tradicionalismos cujas construções são dos tempos áureos de sucesso das jogatinas. Nesta época, chefes de estado e celebridades eram atraídos pelas belezas do lugar, seja para se banharem nas águas medicinais das Thermas Antônio Carlos ou se divertirem nas mesas de jogos. Reza a lenda que o truque de beleza da Carmen Miranda eram as águas termais da cidade.

Outra grande curiosidade do local é a fonte de águas sulfurosas, localizada na Praça Dom Pedro II, conhecida como Praça dos Macacos. A água com alto teor de enxofre emana do solo a uma temperatura de 42ºC e apresenta poderes medicinais na cura de inflamações e nos cuidados da pele.

Além da água sulfurosa, em diversos pontos da cidade, é possível acessar fontes de águas minerais próprias para o consumo. Contudo, em algumas delas, é preciso ter cautela, já que apresentam alto grau de radioatividade. Mas fique tranquilo, leia as placas afixadas no local que sinalizam se é própria ou não para uso.

O que fazer em Poços de Caldas

o que fazer em poços de caldas
Jardim lateral do Palace Hotel, de frente ao Ribeirão de Caldas – Foto: Sturm – Wikipédia (CC BY-SA 4.0)

Poços, como é carinhosamente chamada, tem diversas opções de lazer, como passeios até a cachoeira Véu das Noivas, a Cascata das Antas, as Thermas Antônio Carlos, as praças e jardins na região central, o Museu Histórico e o Parque Municipal. Na Serra de São Domingos, além do Cristo Redentor, temos o Recanto Japonês, a Fonte dos Amores, a Pedra Balão e a Rampa de Voo Livre.

Há trilhas de diversos graus e algumas delas podem ser feitas com crianças e outras são recomendadas para atletas de alta performance. Entre passeios tranquilos e muita aventura, a cidade oferece variadas atividades para o divertimento de cada pessoa. Saiba o que fazer em Poços de Caldas e aproveitar ao máximo os passeios.

Parque Temático Walter World

walter world poços de caldas
Walter World Poços de Caldas – Foto: divulgação

Um dos maiores parques temáticos do Brasil com 150 mil metros quadrados, o Walter World é uma boa opção de lazer para toda a família. Além dos brinquedos radicais, infantis e aquáticos, o parque tem um museu do exército com a exposição permanente de carros militares e tanques do período da Segunda Guerra Mundial.

A montanha-russa, a roda gigante e o barco viking juntam-se ao mini zoológico com aves e répteis para o entretenimento de todos. Teatro, trenzinho e um monotrilho complementam a diversão.

Os passaportes valem por um dia inteiro e é recomendável fazer sua aquisição com antecedência para evitar filas. O valor é de R$ 60, a inteira, e R$ 30, a meia entrada. Crianças menores de 3 anos e aniversariantes do dia têm cortesias.

Thermas Antônio Carlos

Poços-de-Caldas-MG-Thermas
Vitrais do teto do Thermas Antônio Carlos em Poços de Caldas – Foto: Thiago Vicente – Wikipedia (CC BY-ND 3.0)

Inaugurado em 1931, o Thermas Antônio Carlos está localizado na região central de Poços de Caldas MG. Seu prédio histórico e opulento atrai visitantes por conta de sua grande beleza arquitetônica. Em seu interior, o teto é composto por um imenso vitral decorado feito pelo artista Conrado Sorgenicht.

Fatos históricos marcam este local. Um dos mais memoráveis foi em 1958, quando a seleção brasileira campeã de futebol esteve na cidade durante a pré-temporada e o prédio serviu para a preparação de fisioterapia e mecanoterapia dos jogadores.

Hoje, no Thermas, são oferecidos tratamentos medicinais, diversas categorias de banhos, saunas e massagens. A entrada é gratuita, mas os serviços de saúde e beleza disponíveis variam entre R$ 12, para ducha escocesa, e R$ 130, para sessão de acupuntura.

Cristo Redentor

cristo poços de caldas
Cristo Redentor possui uma bela vista – Foto: divulgação Prefeitura Poços de Caldas

Localizada no topo da Serra de São Domingos, em uma altitude de 1.686 metros em relação ao nível do mar, a estátua foi inaugurada em 1958. O local oferece uma das mais belas vistas panorâmicas da cidade, além de ter lojas de artesanato e lanchonetes.

Uma das maneiras mais divertidas de chegar até o topo é por teleférico. O trajeto é um dos mais longos do país, com 1.500 metros de percurso. Vale apontar que cada cabine leva até quatro pessoas e as tarifas variam entre R$ 25 para adulto, ida e volta, e R$ 7,50 para crianças, apenas ida ou volta.

Para quem gosta de estar em contato com a natureza, ainda é possível fazer uma caminhada pela trilha que parte da Fonte dos Amores até o Cristo. A depender do seu fôlego, a caminhada dura entre 45 minutos e 1 hora.

Outra opção é utilizar a estrada de acesso, um trecho de, aproximadamente, 3 quilômetros de subida sinuosa. A estrada também é acessível para ciclistas, mas não é recomendada para iniciantes. De todo modo é fundamental revisar os freios do veículo para garantir uma descida segura.

Rampa de voo livre

poços de caldas o q fazer
Voo de livre também é uma opção do que fazer em Poços de Caldas – Foto: Pixabay

Para quem gosta de aventura, logo após o Cristo Redentor, em uma estrada de terra com menos de 1 quilômetro, é possível realizar voos duplos de parapente. O local encanta pela vista, um mar de montanhas e um bom gramado para descansar e aproveitar a natureza.

O passeio dura cerca de 10 a 20 minutos e pode ser realizado por pessoas a partir de 6 anos, o valor é de 220 reais. Para isso, deve-se agendar o voo com a empresa Trilha Radical Turismo de Aventura e verificar as condições meteorológicas para o dia.

Pedra Balão

pedra balão poços de caldas
Pedra Balão, uma pedra com formato curioso bastante fotografada – Foto:Dênis Lopes (CC BY-NC-SA 2.0)

Próxima ao Cristo Redentor, a Pedra Balão é uma formação curiosa de uma grande rocha vulcânica sobre outras menores. Um equilíbrio aparentemente insustentável. Subir até o topo da pedra, sentir o vento no rosto e a sensação vertiginosa de estar como se voasse em um balão é um espetáculo à parte.

No local, há uma fazendinha, com cavalos que podem ser alugados para passeios e muitos animais. Você ainda pode aproveitar uma das mais belas vistas da cidade para admirar o pôr do sol.

Fonte dos Amores

fonte dos amores poços de caldas
Fonte dos Amores faz sucesso entre os casais apaixonados – Foto: divulgação Prefeitura Poços de Caldas

Neste belo local, cercado por trechos de Mata Atlântica preservada, está localizada a estátua esculpida em mármore pelo italiano Giulio Starace. A escultura de um jovem casal, abraçados e nus, é envolta por lendas. Diversas são as versões contadas sobre a história dos apaixonados.

Em uma destas histórias, eles seriam filhos de inimigos políticos, em outra daria conta que o jovem, na verdade, era um padre. Em ambas, no entanto, o amor proibido terminou de maneira trágica, com a morte de ambos.

Fato é que Romeu e Julieta poços-caldenses cativam turistas interessados em busca de sossego e relaxamento. Mas o local também atrai corações em busca de amor. Há quem diga que, se for solteiro(a) e beber a água daquela fonte, rapidinho encontra um(a) companheiro(a).

Recanto Japonês

recanto japones poços de caldas
Recanto Japonês um dos pontos turísticos mais visitados de Poços de Caldas – Foto: divulgação Prefeitura Poços de Caldas

O parque apresenta resquícios da arquitetura nipônica, com uma casa do chá, fonte dos desejos e um lago artificial com carpas coloridas. Os jardins com estilo oriental contam com flores típicas japonesas e uma lojinha onde você pode adquirir incensos, souvenirs e diversos amuletos de sorte típicos do país asiático. A paisagem é encantadora e toda a decoração permite fazer fotografias magníficas.

Véu das Noivas

o-que-fazer-em-poços-de-caldas
Véu das Noivas é um dos locais mais visitados na cidade – Foto: Vicente Eugenio – Wikipedia (CC BY 2.0)

Localizada a 5 quilômetros do centro da cidade, a cachoeira Véu das Noivas é o ponto final dos passeios de charrete que saem do centro da cidade. As quedas d’água de até 10 metros de altura impressionam pela magnitude.

É importante ressaltar que não é permitido o banho nas águas. Mesmo assim, você não vai se arrepender, já que o visual é incrível. O local conta ainda com um trenzinho e uma feira de artesanatos, com um estacionamento amplo e pode ser visitado facilmente de carro.

Cascata das Antas

Nas proximidades do Véu das Noivas, há também a Cascata das Antas, outro local com belas quedas d’água. Os atrativos naturais impressionam, mas além da beleza, é possível caminhar sobre a barragem da antiga hidrelétrica e visitar as ruínas da Empresa Força e Luz, datada de 1898.

Praças de Poços de Caldas

poços de caldas
A Praça das Rosas é um exemplo de o que fazer em Poços de Caldas – Foto: Wikipédia (CC BY 3.0)

Poços de Caldas tem muitas praças e parques, entre eles destacamos a Praça Pedro Sanches e o Parque José Afonso Junqueira. Localizados bem próximos, quase se confundem como um mesmo local e se destacam entre o que fazer em Poços de Caldas.

São excelentes ambientes para descanso, têm um clima bem interiorano, onde é possível apreciar uma boa roda de viola no coreto ao entardecer ou ver o espetáculo da fonte de água luminosa à noite.

Ao redor do complexo, é possível visitar outras praças com atrativos únicos, como o calendário floral, o relógio floral e a praça da Fepasa, onde existe um enorme tabuleiro de xadrez.

Parque Municipal

o q fazer em poços de caldas
Parque Municipal de Poços de Caldas MG – Foto: divulgação Prefeitura Poços de Caldas

Para aqueles que não dispensam uma atividade física ou simplesmente gostam de passar horas de descanso em gramados à sombra de árvores, uma boa pedida é ir até o parque municipal.

Localizado em uma das principais avenidas da cidade, o espaço tem uma grande área de gramados, uma pista para caminhadas de 1 quilômetro de extensão, brinquedos de madeira e quadras de esporte.

Cristais de Murano

fabricação de cristais
Fabricação de vazo de cristal da Cristais São Marcos – Foto: divulgação

Poços de Caldas é conhecida por suas fábricas de objetos de cristais, decorativos ou louças utilitárias para o dia a dia. É possível visitar salões de exposições ou até mesmo uma fábrica para acompanhar o processo de produção das vidrarias.

Uma tradição passada entre várias gerações, a arte em vidro é herdada de descendentes da Ilha de Murano, em Veneza, onde originou a técnica. Existem algumas lojas na cidade, destacando-se, entre elas, a Cristais São Marcos, localizada em frente à Praça Pedro Sanches. Próxima ao Parque Municipal, a fábrica da Cristais Cá d’Oro permite aos visitantes acompanhar a fabricação das peças.

Onde comer em Poços de Caldas?

Com uma grande diversidade de bares e restaurantes, Poços de Caldas oferece alternativas para todos os gostos e bolsos. Quando você for à cidade, uma das principais atividades que precisa fazer em Poços de Caldas é provar as iguarias, como doces cristalizados, queijos, vinhos e cachaças disponíveis em diversas lojas pela cidade. Se preferir, um passeio pelo Mercado Municipal é uma experiência sinestésica de cores, cheiros e sabores.

Uma das maiores vantagens de estar em uma cidade como Poços de Caldas é a grande variedade de restaurantes e estilos culinários. Aliás, muitos hotéis tradicionais têm restaurantes com uma grande variedade gastronômica com cardápios dedicados às comidas típicas mineiras e até pratos internacionais. Para isso, não é preciso estar hospedado para aproveitar estas delícias em alguns hóteis.

A dica para quem prefere uma boa comida e um espaço extremamente aconchegante e requintado é o Ollivia Gastronomia. No entanto, se ao final do dia você deseja beber uma cerveja com os amigos, a dica é o Bar do Dé.

onde comer em poços de caldas
Há boas opções de restaurantes em Poços de Caldas como o Ollivia Gastronomia – Foto: divulgação

Caso queira uma imersão na cultura local, a atração gastronômica imperdível é se deliciar em um dos quase 20 trailers localizados entre a estação dos teleféricos e a Praça Pedro Sanches. São várias opções de lanches, pizzas e diversas outras comidas de rua para todos os paladares.

Como chegar em Poços de Caldas

Poços de Caldas fica a 480 quilômetros de Belo Horizonte e está localizada na divisa com o estado de São Paulo, estando a 260 quilômetros de distância da capital paulista. O principal meio de chegada na cidade é pelas rodovias.

As estradas não são duplicadas nas proximidades do município. Porém, são sem grande movimento proporcionando um trajeto tranquilo e seguro. Para quem vem de mais longe, o aeroporto com voos comerciais mais próximo é o Aeroporto Internacional de Viracopos, em Campinas, a cerca de 200 quilômetros da cidade.

Como se deslocar em Poços de Caldas?

Uma das perguntas mais frequentes feita por quem vai para a cidade é: tem Uber em Poços de Caldas? Sim, a cidade conta com aplicativos de transporte urbano como Uber ou 99, além de táxis. O deslocamento de carro é indicado para chegar em algumas das atrações apresentadas.

Outros passeios, como as atrações da Serra São Domingos – Cristo Redentor, Pedra Balão e Rampa de Voo Livre – podem ser acessados por teleférico ou a pé para quem gosta de fazer trilhas.

Existe ainda o passeio de charrete, saindo da Praça do Relógio Floral. Geralmente, o trajeto é até Véu das Noivas, com paradas em diversas atrações pelo caminho, como lojas de artesanato, doces, queijos, vinhos, sabonetes ou cristais. Ainda, é possível combinar com o charreteiro outras paradas e modificar um pouco a rota para visitar pontos turísticos próximos ao trajeto.

charrete minas gerais
Charrete é um meio de transporte turísticos em algumas cidades mineiras – Foto: Felipe Zig

Quantos dias ficar em Poços de Caldas?

A cidade oferece muitas opções de turismo e lazer. Logo, se quiser apenas conhecer os pontos turísticos, o mínimo recomendável é um fim de semana.

Caso queira curtir todos os locais que apontamos nesta lista sobre o que fazer em Poços de Caldas, uma semana é o tempo sugerido para conseguir passar por todas essas experiências.

Você aproveitará para fazer trilhas, caminhadas, e se divertirá nos diversos passeios, seja de charrete ou conhecer as fábricas de cristais da cidade

Onde hospedar em Poços de Caldas?

A rede hoteleira de Poços de Caldas tem amplas opções de hospedagens na região central até hotéis mais afastados da cidade. Se quiser conhecer as regiões da cidade e as principais opções de hotéis temos um texto exclusivo sobre onde ficar em Poços de Caldas.

poços de caldas onde ficar
Palace Hotel é a principal dica de onde ficar em Poços de Caldas – Foto: Wikipédia (CC BY 2.0)

Para quem prefere aproveitar as atrações centrais, as opções vão desde o tradicional Palace Hotel, rodeado pelas principais praças e com todo o charme do tempo dos cassinos, ou os modernos hotéis Minas Gerais e Carlton Plaza.

O Hotel Monreale Resort ou o Hotel Golden Park All são boas hospedagens para quem não se incomoda de ficar mais distante das atrações turísticas.

Há serviços variados que incluem opções luxuosas que incluem spa, saunas, piscinas e serviços de agendamento de trilhas e passeios sem precisar sair do hotel. Também encontram-se diversas opções de hospedarias mais modestas e bem charmosas localizadas no centro da cidade. São locais ideais para aqueles que gostam de ir para o hotel apenas para passar descansar e se recuperar para o próximo dia de passeio.

E aí, já sabe o que fazer em Poços de Caldas? Se ficou faltando alguma atração, deixe nos comentários sua dica.

Texto escrito pelo jornalista Lui Pereira que morou por 20 anos em Poços de Caldas.